100% Real Plastic: a importância de utilizar matéria-prima vegana

Quando falamos sobre veganismo, a ideia da maioria das pessoas remete à alimentação, mas não é só nessa área que o conceito pode ser aplicado. O veganismo consiste em se abster do uso de produtos de origem animal, seja na alimentação ou no vestuário. Muitos não sabem, mas há vários sapatos e roupas que usam produtos de origem animal, que vão muito além do couro. Em 2016, a Melissa começou sua mudança neste sentido ao lançar a campanha 100% Real Plastic.

Mais conhecida entre as melisseiras como a “campanha da vaquinha” (ou da vacona), a ação visa mostrar que, a partir de 2017, todos os produtos Melissa passaram a não ter nenhuma matéria-prima de origem animal. Esse movimento vem da Grendene, empresa responsável pela Melissa, que inclusive tem em seu site uma lista de substâncias restritas para garantir que seus calçados sigam todas as normas necessárias de boas práticas para o meio-ambiente. 

Mas o que tudo isso significa na prática? Significa que, ao comprar um calçado da Melissa, o consumidor tem a certeza que a produção daquele item não teve o uso de matéria-prima animal, o que diminui a exploração. Se todas as fabricantes de roupas e sapatos fizessem isso, por exemplo, cada vez menos animais seriam explorados para a produção de matéria-prima. Talvez isso traga alguns questionamentos, como: será que há diminuição de empregos? E a resposta é não. Na verdade, essa ação gera uma mudança no mercado e faz com que produtores busquem alternativas sustentáveis (e muitas vezes até mais baratas) para o fornecimento de matérias-primas.

Para muitos esse tema pode muito distante do dia a dia, mas a verdade é que, se cada empresa fizer sua parte, e os consumidores valorizarem empresas com tais práticas, elas vão se tornar cada vez mais comuns no mercado. Ao usar um produto vegano como a Melissa, você garante que o seu consumo e sua paixão por sapatos não vai afetar ou prejudicar nenhum animal. Lembrando ainda que a criação de animais também afeta o muito o meio-ambiente, já que gera o desperdício de recursos naturais (como a água) e contribui muito para a emissão de gases de efeito estufa.

Chaveiro da vaquinha, o símbolo da campanha 100% Real Plastic

A Melissa também acertou bastante ao transformar a iniciativa em uma campanha de marketing cheia de música e cores. Entre as melisseiras, é comum querer ter um chaveiro da vaquinha ou até a chamada “vacona”, que enfeita vários melissários ao redor do Brasil. Com isso, a marca conseguiu popularizar uma discussão que poderia facilmente se tornar elitista. Aliás, a vaquinha se tornou um símbolo tão grande da marca que algumas melisseiras até estranharam sua substituição em calçados recentes pelo selo “Vegan”, concedido à Grendene pela Vegan Society

Site oficial Grendene

Ainda há um caminho muito longo a se seguir quando falamos de consumo e sustentabilidade, ainda mais se tratando de uma marca de sapatos de plástico. Mas a Melissa e a Grendene têm procurado cada vez mais alternativas sustentáveis para continuar usando o plástico característico da marca (agora 100% reciclável), sem afetar o meio-ambiente e o futuro do planeta. 

Assine a nossa newsletter para receber todas as novidades do Garage Sale Melissa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *